PONTO DE PARTIDA

Quando se ama a hora da saída / Não vale lembrar daquilo que sonhou / Quando se busca a face escondida / Se tem a certeza de quem já amou / Eu era tudo que você queria / Até guardava uma grande dor / Chorava as vezes que você partia / Com medo de eu ser o seu grande amor / Às vezes a gente se esquece da vida / E sai por aí contando o que restou / Um corte profundo, uma grande ferida / Um gole, um bar e não cicatrizou / Um dia a gente se encontra na esquina / E cruza um olhar de quem nunca chorou / Enxuga o rosto, é ponto de partida / Esquece até quem não telefonou 

Um comentário:

  1. Linda música... Aliás todas !! Parabéns !!!!
    Rosane

    ResponderExcluir